AMIZADE, UNIÃO E FORÇA
11.1.09

 

- Jogador do Sobreiro ajuda Colega de Jogo a recompor-se. Imagem que devia ser exemplo para todos os Jogos.

 

 

- João Paulo.

 

 

- Perigo na área do Sobreiro.

 

 

- Freitas e David. Adversários, mas acima de tudo Amigos.

 

 

- Paulão e Reni na "embrulhada".

 

 

- Bucho!!

 

 

- Tudo "maluco" na área.

 

 

- Lina espreita.

 

link do postPor ultrascerca, às 21:43  comentar

De Paulo Martins Sócio nº342 a 11 de Janeiro de 2009 às 22:42
Caros Amigos,
Não se pode ganhar sempre e hoje foi bem um sinal disso, entrámos no jogo já meio derrotados e quem ganhou com isso foi o adversário.
As chamadas conversas de balneário servem para corrigir e falar sobre as coisas que correm menos bem em certos dias. Ora na Cerca não é diferente, mas os nossos jogadores tendem em levar certas conversas e chamadas de atenção como criticas destrutivas pois volta não volta a malta portasse mal. Meus caros amigos e colegas já o disse e volto a dizer com risco de esta minha frase se tornar num cliché, temos de ir para dentro de campo divertirmo-nos a fazer aquilo que mais gostamos, que é jogar futebol.
Tal como já nos foi informado, nada foi pedido ao treinador e aos jogadores, quero com isto dizer que não é nossa obrigação ganhar todos os jogos, mas como toda a gente sabe ninguém gosta de perder nem que seja a feijões. Esta equipe tem muito valor, mas mesmo muito valor, só não podemos é baixar os braços mesmo antes de entrarmos em jogo, não quero parecer muito derrotista, mas creio que nem a equipe tem gostado das suas próprias actuações . Agora mudar, isso só está ao vosso alcance , que são quem joga, e isso passa por aplicação e vontade de deixar tudo nos treinos e no campo nos dias de jogo, e o que temos assistido é que às vezes apetece e outras nem por isso, e esse resultado vê-se depois aos Domingos, que quando correm mal andamos de cabeça baixa e a tentar arranjar solução para o que aconteceu, ou aquele inventa, ou o outro fez e não devia, ou foi isto mas devia ser aquilo, enfim podiam ser as mais diversas razões, pois cada um tem as suas e são certamente diferentes da de todos, mas volto a repetir mudar isso só depende de vocês , por isso cabeça levantada e força amigos temos de conseguir fazer exibições mais conseguidas das que temos feito.

Estou convosco até ao fim!

Do vosso amigo e colega...

Paulo Martins

De ultrascerca a 12 de Janeiro de 2009 às 09:05
Olá Paulo!

Acho que mais uma vez o teu comentário foi extremamente importante para todo o Grupo. Parece-me que tudo o que foi dito por ti acaba por ter um sentido muito óbvio e real.
No entanto, o jogo de ontem teve demasiados detalhes que condicionaram a prestação total da equipa. São pormenores importantes num jogo de Futebol.
Como dizes e bem, a nossa obrigação é cumprir aquilo que nos é pedido, mas só o conseguimos realizar se tivermos capacidade para isso. Nem sempre é fácil entrar em campo com a noção que temos que nos divertir. Para isso dependem factores psicológicos que devem estar bem acertados e devidamente "arrumados" na nossa mente.
A Cerca ontem perdeu com uma equipa que nos merece todo o respeito. Perdeu porque jogou mal. Perdeu porque há momentos no jogo em que certos erros custam caro.
É feio particularizar as situações de um Jogo, mas ontem esses pequenos momentos mostram que temos muitas debilidades em alguns sectores. Isso num Jogo de Futebol vale três pontos.
De resto, agradeço a tua sincera e real opinião porque tem fundamento e ajuda-nos a crescer. Espero que muitos possam ler o teu comentário.
Abraço.

De Paulo Martins Sócio nº342 a 12 de Janeiro de 2009 às 11:00
Caro David,

É com muito gosto que acompanho este clube e esta equipe, daí querer muito que o nosso jogo saia "perfeito".
Perfeito no sentido em que vamos para dentro de campo conscientes de que se dermos o nosso melhor e ainda assim as coisas não correrem bem a derrota é justa, mas não fica um sabor amargo de que mais podia ser feito se é que me entendes. A derrota vem, mas pode vir de diversas maneiras, assim como a vitória, não podemos de maneira alguma atribuir a derrota unicamente à nossa equipe pois isso seria tremendamente errado, o adversário tem de ter o seu mérito por não nos ter deixado fazer o nosso jogo.

Ser ou não difícil entrar em campo e divertirmo-nos, é claro que que sei que nem sempre é possível e mais não comento pois não sou formado em psicologia do desporto e só um pessoa dessas é que neste momento poderia dar ou a resposta certa ou mesmo conselhos.

Gosto muito deste grupo de trabalho, gosto pois neste mesmo grupo não só vi pessoas de bom carácter e coração como também arranjei diversos novos amigos, e no fundo isso para mim é o mais importante.

É muito importante que todos nós nos mobilizemos para que terça-feira estejamos lá TODOS para trabalhar e corrigir o que houver a corrigir e mais nada......

Um abraço,

Paulo Martins

De ultrascerca a 12 de Janeiro de 2009 às 11:39
Olá de novo,

Concordo contigo em absoluto. A Cerca foi um "fantasma". Os jogadores podiam ter feito muito mais. Não podem fugir com o "rabo à seringa".
Finalizando, acho que mencionas bem quando dizes que terça-feira estamos lá. Espero que todos possam estar presentes de forma a esclarecer algumas questões que podem ajudar este plantel a passar este momento menos bom.
Abraço.

De Paulo Martins Sócio nº342 a 12 de Janeiro de 2009 às 12:04
Grande Manolas,

Só para dizer-te que eu estou convocado!!!!
Eu vou estar presente!!!!

Até Terça-feira...


Paulo Martins

De Anónimo a 12 de Janeiro de 2009 às 16:11
Boa tarde caros colegas, que se fo****..como estão seus panisgas...

olhem lá...nao concordo com nada disto... primeiro o sr serrilha nao tem de pedir desculpas e voçes ja estão a entrar em assuntos de balneário que não é o objectivo deste blog, com muita pena minha não pode ir ao jogo mas tenho a certeza que todos deram o seu melhor mas todos sabemos as limitações desta equipa e que de certeza que todos deram 100%.

Não ganhamos nada, só jogamos pelo amor ao clube e à nossa amizade, tentamos ganhar porque gostamos do clube e todos dão 100% dentro de campo. por vezes os socios nem imaginam o risco que corremos, pq trabalhamos e se nos aleijarmos quem se trama somos nós porque nao vamos trabalhar e nao recebemos.. por isso é claro que nem tudo corre bem, mas também temos de ter em consideração de que tem havido muitos lesionados, muitos que ja sairam e claro que num plantel como o nosso que não é grande ressente-se...

acho que estamos bem no campeonato e que se falármos vamos corrigir alguns aspectos mas os outros tambem tem 11 e por vezes ganham dinheiro e treinam 3 vezes e são simplesmente melhores...

não acham que ja fazemos muito..queremos sempre ganhar mas..nem sempre é possivel.. vamos analizar o sobreirense..só tem no meio de campo o freitas e gaston que foram dos melhores jogadores que tivemos e que estão nesta divisão.

vamos mas é levantar a cabeça pq tenho a certeza que deram o melhor mas..por isto ou aquilo podia ter corrido melhor..vamos falar sobre erros para melhoramos dentro do balneario e nao aqui...

os socios tem nos apoiar pq sabem que mais do que eles somos nós que sofremos com as derrotas e que estamos ao frio e à chuva durante a semana a treinar...

abraço
boneno n1

De ultrascerca a 12 de Janeiro de 2009 às 19:04
Olá Boneno nº1,

Penso que ninguém falou sobre assuntos de balneário. Referiu-se apenas que há situações a corrigir e na nossa opinião passa sempre 1º pelo balneário onde cara-a-cara podes rapidamente dar uma opinião que possa fortalecer o grupo.
Quanto ao Serrilha, não me parece nada de anormal da parte dele. Aliás, se todos pensassem como ele, acredita que a nossa equipa era muito potente psicologicamente. Por vezes, temos necessidade de desabafar sobre algo que correu mal. Ele dirigiu-se, primeiramente, aos adeptos. Acho que fez bem. Os Adeptos lêem o blog e ficam sensibilizados com estas atitudes.
Outra situação, quem joga à bola, joga porque gosta, mesmo sabendo que corre riscos. Não podemos entrar numa onda de coitadinhos. Temos responsabilidades. E uma delas é representar o Clube. Outra das responsabilidades é connosco próprios. No que me diz respeito, penso que um dia gostaria de ser lembrado como alguém que lutou e defendeu os seus interesses e não como um jogador que foi mais um.
Em relação aos outros, não me diz respeito se ganham dinheiro ou se treinam mais vezes. Lá dentro somos Homens e aí somos todos iguais. O que nos diferencia é a forma como encaramos os desafios. O dinheiro e os treinos a mais ou a menos não nos dão mais força.
Concordo quando afirmas que o plantel tem sofrido grandes revés. Uns porque não têm palavra, outros porque não podem, outros porque não querem,etc,etc.
Os que lá estão são suficientes. Têm é que ter a capacidade de entender que as pequenas presenças podem-se multiplicar. Tudo depende da mentalidade.
No entanto, acho que mencionás-te coisas importantes como ser positivos mesmo nas derrotas.
Abraço.


 
mais sobre mim
Janeiro 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

13
14
15
16
17

19
20
21
22
23
24

27
28
29
30


blogs SAPO